O grupo japonês Asahi Group Holdings anunciou na última sexta-feira, dia 25, a aquisição do grupo Fuller Smith & Turner pelo valor aproximado de 328 milhões de dólares (250 libras esterlinas).

Com a compra, a Asahi terá o direito de usar a marca Fuller’s, embora o grupo inglês ainda detenha os direitos do nome.

O grupo japonês também irá controlar a Griffin Brewery, de Londres, onde a Fuller’s produz desde 1845.

A Asahi já possui em seu portfólio produtos como Peroni e a Pilsner Urquell, ambos adquiridos em 2016.

Como fica a Fuller’s?

Com a venda, a Fuller’s planeja focar em sua rede de hotéis e pubs, que respondem por mais de 87% do lucro da companhia.

Não foram revelados detalhes do acordo, que será consolidado até o final do primeiro semestre deste ano.

A Asahi afirmou que irá distribuir as cervejas da Fuller’s em mais de 380 pubs e hotéis em Londres e no Sul da Inglaterra.

Em comunicado, a Fuller’s explicou que a venda de sua divisão de produção e distribuição de bebidas para a Asahi acontece por mudanças estruturais na indústria de cerveja.

Expansão da Asahi

O passo do grupo representa uma demanda por crescimento no mercado internacional, o que já acontece com suas rivais Kirin Holdings, Suntory Holdings  e Sapporo Holdings.

Conforme levantamento da Bloomberg, a Asahi enfrenta estagnação no mercado japonês.

Para a companhia será vantajoso levar os rótulos da Fuller’s para o mercado asiático, que valoriza o valor agregado da produção de uma cervejaria familiar e de longa tradição.

A aquisição vai contra o comportamento de outras empresas japonesas no Reino Unido, como a Panasonic ou Toyota, que mudaram suas operações de local com receio de uma possível quebra do país, após sua saída da União Europeia.